Minas Náutico supera Nova Lima e garante o título

Por em 4 de setembro de 2013

    Na noite de ontem (03/09) foi conhecido o grande campeão do Campeonato Metropolitano, categoria sub-17. O nome dele é Minas Tênis Náutico Clube. A equipe belo-horizontina foi a melhor durante toda competição, tendo vencido o primeiro turno do Campeonato com 7 vitórias e apenas uma derrota e conseguindo até então no segundo turno, o brilhante desempenho de 7 vitórias nos 7 jogos que disputou.

    Com uma campanha para ninguém botar defeito o Minas Náutico chegou ao título ao derrotar o único adversário que ainda tinha chances de ficar com o título do segundo turno e provocar um quadrangular final para decidir o campeonato, o P.M Nova Lima/Quintas.

    O jogo disputado no Ginásio Clube das Quintas, Nova Lima, começou muito quente e apenas com 1 minuto e 40 segundos, Júlio César Freitas abriu o placar para os visitantes. Após o gol de Júlio César os donos da casa resolveram se lançar ao ataque e pressionaram a equipe do Minas Náutico durante quase toda a primeira etapa, porém sem muito sucesso uma vez que o time de BH se defendia bem e armava bons contra-ataques, assustando a defesa do Nova Lima. Faltando 30 segundos para o final do primeiro tempo, os donos da casa chegaram finalmente ao empate pelos pés de seu camisa 9, Daniel Castanheira. O gol marcado por Daniel deu ao confronto uma dose a mais de emoção, já que o empate não dava mais o título à equipe da capital. O Minas Náutico precisaria de no mínimo mais um gol para sair do Clube das Quintas com a taça nas mãos. E ele veio.

     Antes mesmo de 2 minutos do segundo tempo o camisa 7 dos visitantes, Arthur Galdino foi às redes e recolocou sua equipe muito perto do título. Com a partida inflamada, o Minas Náutico sentiu o bom momento e continuou no ataque, em busca do terceiro gol, que saiu aos 4 minutos. O clima de “já ganhou” parece ter tomado conta dos meninos do técnico Luiz Henrique Taveira Cabral que relaxaram e assistiram à equipe do Nova Lima marcar o seu segundo gol logo no minuto seguinte.

    Quando a lógica levava todos a acreditar que depois do segundo gol veríamos uma pressão intensa dos donos da casa para empatar a partida e evitar que o campeonato fosse decidido ali, os belo-horizontinos buscaram forças para provar o contrário e conseguiram ampliar o placar para 5 a 2, com gols de Luca Meniconi e mais um do capitão Júlio Horta. O golpe foi fatal para o time de Nova Lima e mesmo o segundo gol de Daniel Castanheira não foi o suficiente para incentivar uma reação nos 8 minutos finais. O Minas Náutico ainda voltou a marcar aos 17 minutos da etapa final com o camisa 10 João Pedro Texeira, assegurando o título antecipado da competição.

    Parabéns ao Minas Tênis Náutico Clube pela grande atuação na noite de ontem, que refletiu exatamente o que esta equipe demonstrou durante toda a competição. A premiação será entregue no próximo jogo da equipe do Minas Náutico, que ocorrerá na próxima terça-feira (10/09) no Ginásio Divino Braga contra a equipe do Betim, às 20:30.

Um comentário

  1. Adriana

    5 de setembro de 2013 at 14:13

    O nome correto é Luca Meniconi e não Lucas, mas o importante foi o resultado.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *